cancaonova.com PLAY SHOPPING NOTÍCIAS LITURGIA DIÁRIA TV RÁDIO EU AJUDO   E-MAIL   MAPA   RSS
Quarta-Feira, 26 de agosto 2009, 14h21
Deixe-se conduzir por Jesus, o Bom Pastor!
 
Jesus, muitas vezes, define quem Ele é: “Eu sou o caminho”. “Eu sou a verdade”. “Eu sou a vida”. “Eu sou a luz do mundo”. “Eu sou a fonte da água viva”. “Eu sou o Bom Pastor”. Não no sentido de Pastor bom, bondoso, amoroso. Claro, Jesus é tudo isso. Mas quando se diz “Bom Pastor”, este “bom” equivale ao que dizemos de um bom mecânico, um bom marceneiro, um bom pedreiro: é aquele que faz bem o seu ofício.

Jesus se diz o Bom Pastor. O pastor vive para a ovelha. Quem tem vacas, cavalos ou outro tipo de criação, não precisa ter centenas de cuidados, pois a criação vai crescendo e se desenvolvendo por si. A ovelha é totalmente diferente: precisa do pastor o tempo todo por perto.

O pastor toma as ovelhas de manhã cedinho e as leva, porque não sabem ir para o pasto sozinhas, não sabem escolher nem a própria comida. Se ele não cuida bem disso, elas acabam comendo qualquer coisa, pois não sabem, como outros animais, distinguir entre o capim bom e o mato que lhes faz mal ou que é venenoso. Elas não sabem escolher. Por essa razão, quem faz a escolha também é esse profissional [pastor]. Elas também não são capazes de guardar o caminho. Os outros animais têm faro muito bom, mas as ovelhas não: por essa razão é muito fácil para esses animais se transviarem.

O pastor vai à frente e as ovelhas vão atrás, acompanhando-o de perto. Para sentirem segurança, elas precisam da presença desse protetor. Você poderia imaginar que, se a relva é boa e o capim abundante, o pastor poderia deixá-las pastando e ir embora e descansar, mas não é assim. Ele precisa ficar com elas, mesmo que o pasto seja bom, porque elas precisam da segurança dele. Se aparecer algum animal bravo ou algum ladrão, elas não sabem se defender: pelo contrário, praticamente se entregam. Se adoecem, só o pastor consegue curá-las. Se ele não as cura, elas acabam morrendo.

Ao final do dia, o pastor as leva de volta para o redil, mas é preciso que ele fique com elas. Também no redil, fechadinhas, em segurança, há necessidade de o pastor ficar com elas, pois precisam sentir sua presença. Se ele não está, elas se assustam, amedrontam-se, não dormem e no dia seguinte estão cansadas, perdem leite, emagrecem: tudo porque precisam do pastor.

Por isso Jesus diz: “Eu sou o Bom Pastor”, Ele faz o mesmo como você. Está constantemente a seu lado, o acompanha, vela por você, traz o alimento, aponta o caminho e o leva por ele. Você é como a ovelha, com pouco faro, não conhece o caminho e pode desviar-se dele facilmente. Precisa de um pastor, e o único Pastor para você é Jesus Cristo. Ele cuida de suas feridas, de suas machucaduras. Mesmo que não tenha consciência disso, você precisa da presença d'Ele, precisa sentir o calor da Sua companhia. É Ele quem lhe dá segurança.

Se você disse: “Eu nunca senti isso”, a resposta poderia ser a de São Paulo a respeito da Eucaristia: “Eis porque há entre vós tantos doentes e aleijados, e vários morreram” (I Coríntios 11,30). Por isso andam atribulados, ansiosos, medrosos, angustiados, desesperados, tristes, abatidos, desanimados, doentes, feridos, machucados pela vida, cheios de ressentimento e mágoa. Porque não sentem a presença do Pastor: não O encontram. Vivem com medo porque não sentem a presença d'Ele.

Infelizmente, você foi acostumado a ser ovelha sem pastor: assustada, medrosa, desanimada, cheia de problemas, angustiada, ferida, machucada e pensa que a vida é assim. Mas quando você toma Jesus como seu Pastor, quando sente Sua presença, o carinho, a força, a segurança, a alegria que Ele traz à sua vida, você vê que diferença faz ter um Pastor.

Você pode ter pertinho de sua casa um ótimo mecânico, só que você nunca vai buscar seus serviços... Você é vizinho desse profissional, mas seu carro anda sempre estragado. Jesus é o Pastor eficiente que faz bem a Sua parte. Se você não se coloca sob o pastoreio d'Ele, não vai experimentar o que é ter um Pastor. Continuará na penúria, numa vida infeliz, subdesenvolvido espiritualmente enquanto existe pertinho de você um Bom Pastor.

Nosso Senhor Jesus Cristo é o Pastor. Se você sabe disso, dará o passo na fé. Tomará a iniciativa de ir a Ele, de ficar com Ele, de se colocar sob Sua proteção... deixando-se guiar por Ele com toda a confiança. Você é livre, justamente por isso se coloca sob a proteção de Cristo.

Você é que deve se deixar conduzir por Jesus, o Pastor. Em vez de tomar seus caminhos, de querer escolher seus rumos, de querer tomar suas decisões, você coloca Jesus como Aquele que o guia, conduz, aponta-lhe a direção. Você vai com Ele, vai atrás d'Ele. É muito mais fácil, muito mais rendoso e será muito mais eficiente para sua vida.

(Trecho do livro “O Pão da Palavra – volume 3” de monsenhor Jonas Abib).

.: Receba Mensagens do Monsenhor Jonas no seu celular

Shopping Virtual:


.: Livro
Fragmentos de uma vida em Deus
Monsenhor Jonas Abib



.: DVD
'Como é linda a nossa família'
Monsenhor Jonas Abib